1 de agosto de 2014

Posicionando a zaga

Postado por Fabio Ritter

Posicionar a zaga em uma bola parada também é dever do goleiro. Por mais que o técnico da equipe oriente seus jogadores nos treinos, na hora do jogo é função do goleiro passar as ordens aos seus companheiros.

Na partida entre Novo Hamburgo e ABC, pela Copa do Brasil, na última quarta a equipe do interior gaúcho se classificou aos 46 minutos do segundo tempo em jogada de bola parada. Veja abaixo.

O que tem de errado nesse gol? Repare na foto abaixo a linha amarela que demarca a posição do último (ou primeiro) homem da zaga do ABC antes da cobrança.

Esse jogador estava depois da marca do pênalti, ou seja, mais próximo da linha do seu gol. Quando a bola chegou na área, os atacantes do Novo Hamburgo puderam disputar a bola praticamente dentro do gol. Isto porque a zaga “chamou” o ataque adversário, posicionando tão atrás assim.

Uma regra antiga, mas que sempre vale é orientar a zaga a ficar, no mínimo fora da grande área antes da cobrança. Os zagueiros somente devem se mexer após a cobrança, deixando assim o goleiro com mais chance de sair do gol.

Já há técnicos que propõem uma zaga ainda mais adiantada, nem entrando na área na hora da cobrança, para deixar o ataque impedido. Outros ainda posicionam a zaga cerca de 1 a 2 metros para fora da grande área, para deixar a área ainda mais livre do perigo.

Fato é que o goleiro tem a obrigação de orientar os seus companheiros nesse caso. Quanto mais longe tiverem da zona do agrião, nesse caso, melhor.